Publicado por: Amir Somoggi | 8/outubro/2008

Franquias da MLS faturam 3,7 vezes menos que os clubes brasileiros

A MLS e a Forbes publicaram recentemente os dados financeiros dos clubes participantes da Liga em 2007 e a conclusão que se pode tirar é que embora os públicos em seus jogos estejam crescendo, as receitas geradas estão muito aquém do potencial de um mercado tão desenvolvido como é o norte-americano.

 

 

As 13 franquias que disputaram os jogos da competição em 2007 geraram US$ 166 milhões em receitas e levaram cerca de 3,27 milhões de torcedores a seus 195 jogos, apresentando uma média de público de 16,7 mil torcedores por jogo. A MLS tem se vangloriado de ter atingindo a média de público da NHL, entretanto somente considerando os 13 times da Liga Profissional de Hóckey que mais faturam com bilheteria, essas franquias geram nada menos que 3,6 mais receitas que toda a MLS, somente em venda de ingressos.

 

Os dados devem se desenvolver mais para os próximos anos já que a Liga está em plena expansão, com a construção de novos estádios e com a entrada de mais um time no ano passado, o San José Earthquakes, além da inclusão futura de um time de Seattle e outro da Philadelphia. Atualmente para participar da MLS os novos times têm que pagar até US$ 40 milhões e em 2005 esse valor não ultrapassava US$ 10 milhões.

 

 

O LA Galalxy de propriedade da empresa AEG é o time que mais fatura na MLS com receitas em 2007 de US$ 36 milhões, seguido do Toronto FC com US$ 17 milhões em recursos gerados. O LA Galaxy que revolucionou o mercado com a chegada de David Beckham leva cerca de 24,2 mil torcedores por jogo e é um dos poucos times da MLS que apresentou lucro em 2007. A Liga apresentou um prejuízo operacional consolidado de US$ -20 milhões, já que nada menos que 77% dos times registraram prejuízos operacionais na última temporada.

 

Comparando com os dados publicados pela Casual Auditores sobre o mercado brasileiro percebe-se que a MLS está muito distante de nossa realidade, mesmo sendo a Liga mais importante do soccer nos EUA. Os 13 clubes que mais geraram receitas em 2007 no Brasil produziram US$ 612 milhões em recursos, o que representa uma diferença de quase 3,7 vezes mais do que é gerado pelas franquias da MLS.  Se desconsiderarmos as receitas com os atletas, os 13 clubes brasileiros faturaram no ano passado US$ 445 milhões, ou 2,7 vezes mais que a MLS.

 

Caso fosse feito um ranking sem considerar as receitas com atletas comparando os times do Brasil e dos EUA, o LA Galaxy ficaria atrás das receitas geradas por São Paulo e Flamengo e o Toronto FC figuraria somente na 14ª posição desse ranking.

 

Ranking – Receitas franquias MLS e Clubes Brasileiros (sem atletas)

Em US$ Milhões- 2007

 

About these ads

Responses

  1. Olá Amir,

    Impressionante que apesar da forma que o futebol brasileiro é administrado, ainda estamos superiores aos americanos. Em minha visão isso só ocorre porque o futebol é o esporte mais popular aqui no Brasil, enquanto nos Estados Unidos ele é um esporte que não traz tanta atração aos americanos. Aliás, nos Estados Unidos têm algum esporte, tirando o soccer que não é lucrativo? Pois por exemplo a Nascar, o basquete o Hóquei, o futebol americano e o baseball são esportes altamente lucrativo com grande média de público.

    Só espero que os americanos não se apaixonem tanto assim pelo futebol (soccer para eles) pois se eles começarem a gostar, logo veremos difíceis jogos da seleção brasileira versus a americana, como ocorre no futebol feminino.

    Abraço!

    Olá Diego,

    A MLS sofre pelos grandes altos e baixos da Liga desde 1996 e a tendência é que se desenvolva mais nos próximos anos.

    Essa diferença tão grande em relação aos clubes brasileiros deve-se aos melhores contratos de TV que temos (é isso mesmo!) e também pelos clubes brasileiros gerarem bons recursos com patrocínios (lá eles ainda têm dificuldade nesse aspecto) e pelas receitas com os sócios dos clubes, as principais receitas depois das vendas de atletas aqui no Brasil.

    Você está certo, a MLS está inserida em um mercado muito concorrido em que as Big 4+Nascar têm forte presença na mídia, a paixão dos torcedores e o interesse dos patrocinadores e emissoras de TV.

    As grandes Ligas americanas faturam muito, somente para você ter uma idéia o time das Big 4 que menos fatura é o New York Islanders da NHL tem receita 66% maior que o LA Galaxy e 253% maior que o Toronto.

    A MLS deve ampliar seu número de jogos e buscar a fidelização de nichos como os latinos, mulheres, etc e ampliar seus ganhos com parceiros interessados nesse target, mas seguramente nunca chegará perto das grandes Ligas.

    Um abraço.

    Amir

  2. Amir, acredito que para fazer essa analise deveriamos desconsiderar vendas de jogadores, não podemos comparar a matéria prima do Brasil x EUA. Sou SâoPaulino e o SPFC só deu lucro em 2006 e 2007 devido a venda de jogadores, se analisarmos a venda, licenciamento de produtos e o estádio do Morumbi deram lucro, mas ainda é muito pequeno para ter equilibrio sem a venda de jogadores. Isso foi o SPFC imaginem os demais times do Brasil o rombo que seria sem a venda de jogadores.

    Olá Breno,

    O ranking que apresentei não inclui a venda de jogadores. A receita do SPFC considerando a venda dos atletas atingiu US$ 100 milhões em 2007.

    Publiquei um post apresentado os déficits dos clubes sem as transferências e realmente nenhum clube apresentaria superávit em 2007. Na verdade o Juventude apresentaria pois vendeu o seu CT, mas é uma receita não operacional, quer dizer não se repetirá em 2008.

    O objetivo do meu post é mostrar que nossos clubes têm um baita potencial na mão, principalmente se souberem explorar as novas receitas provenientes do torcedor e também se aprenderem a ativar ações de marketing com patrocinadores e parceiros.

    Um abraço.

    Amir

  3. OK. Se analisarmos no futebol brasileiro sem a venda de atletas ninguém tem resultado operacional positivo. Concordo com vc sobre o potencial do futebol brasileiro e principalmente se for profissionalizado que ja li que é uma das suas bandeiras.

    Será que se o SPFC fizesse uma proposta para o Rui Branquinho para ele ganhar por ano e montar uma equipe o que ele ganha na agencia ele aceitaria?? Acredito que em menos de 2 anos o investimento seria pago!!!

    Olá Breno,

    Seguramente esse é o caminho e o retorno seria altíssimo.

    O problema é que o clube não está disposto a gastar muito dinheiro com as áreas “meio” e prefere investir somente no futebol.

    Os clubes na Europa paralelamente aos pesados investimentos que fazem na contratação e salários de seus atletas, investem a cada ano mais recursos nas áreas administrativas, com os profissionais das áreas não esportivas.

    Com essa mentalidade ganham mais dinheiro e podem investir mais recursos no esporte profissional, criando um ciclo virtuoso de geração de receitas.

    Um abraço.

    Amir

  4. O mais interessante de se pensar nesse mercado no dia de hoje é que talvez, com toda essa variação cambial que estamos tendo, mesmo com resultados semelhantes nesse ano em todos os times citados a MLS evolua em relação às equipes brasileiras!

    Olá Vitor,

    Os clubes brasileiros realmente têm se beneficiado da valorização do R$ frente ao US$ nos últimos anos. Para você ter uma idéia em 2006 as receitas dos principais clubes brasileiros sofreram uma redução de -7%, mas em US$ esses valores apresentaram evolução de 1%.

    Em 2007 com a constante valorização do R$ os clubes apresentaram uma evolução maior em US$ que em R$.

    Com a desvalorização do R$ em 2008 o mercado brasileiro deve sofrer ajustes nessa comparação em relação aos times estrangeiros.

    Um abraço.

    Amir


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 28 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: