Publicado por: Amir Somoggi | 9/abril/2008

Tocha patrocinada

Amigos do blog, eu tomo a liberdade de escrever novamente sobre os Jogos Olímpicos de 2008, depois de ter publicado o post E$pírito Olímpico. Faço isso devido ao intenso ritmo de protestos pelo mundo e até a possibilidade da ausência de grandes líderes internacionais no dia 08 de agosto na China.

 

 

O evento global Jogos Olímpicos até o momento está em segundo plano, já que as notícias por enquanto somente tratam dos diferentes confrontos por onde a tocha olímpica passa. Isso ocorreu em Paris, Londres e São Francisco e ao que parece somente não deve ocorrer na China, que para não perder o controle já efetuou centenas de prisões, muito antes da chegada da tocha ao país sede das Olimpíadas.

 

O assunto foi tema de um excelente editorial do jornal Folha de S. Paulo de hoje (09/04/08), inclusive questionando se, pelo desgaste com os protestos, foi sábia a decisão de conceder à China o direito de sediar os Jogos Olímpicos. O artigo termina com a seguinte frase: “A ditadura instalada na China quiçá acreditou que ficaria com o bônus dos Jogos de Pequim sem arcar com o ônus”.

 

Tocha apagada em Paris- Foto AP

 

Além disso, o editorial questiona a reação dos patrocinadores do revezamento da tocha que acabaram ficando expostos a essa repercussão negativa, depois de pagarem cerca de US$ 15 milhões cada um.

 

Em minha opiniáo é um péssimo retorno de uma cota de patrocínio adquirida por uma empresa.

 

E vocês leitores, o que pensam sobre isso?

 

Vocês acreditam que os patrocinadores estão satisfeitos com os últimos acontecimentos na Europa e EUA?


Responses

  1. Amir,

    Post colocado em ótimo momento. Com a situação atual, um péssimo investimento e nem sabemos se a exposição da marca durante as olimpíadas trara algum resultado.

    Estive pensando ontem, será que se a tocha viesse para o Brasil teríamos os mesmos protestos fundamentalistas que acontecem no interior? Gostaria de ver mas infelizmente não estamos na “rota da tocha” desta vez.

    Uma outra questão: se não tivessem ocorridos os massacres no Tibet muito provavelmente não teríamos todo o destaque para fato das manifestações ou até nem teríamos as tais manifestações. Neste caso os 15 MUSD não seria um bom investimento?

    Abraços
    Vina

    Olá Vina,

    Creio que se a tocha passasse por aqui veríamos uma discreta movimentação, muito aquém do que aconteceu na Europa.

    Quanto aos patrocinadores, caso a China não tivesse feito nada no Tibete, seguramente não estariam no meio dessa repercussão negativa.

    Para uma cota de patrocínio como essa, os patrocinadores devem investir pesado em ativação, a fim de colher um retorno satisfatório. Se não criarem ações integradas é um investimento com baixo retorno, pelo menos essa é minha visão.

    Um abraço.

    Amir

  2. Primeiramente concordo que os patrocinadores devam estar bem preocupados com a repercussão gerada neste evento. Acredito , porém , que trata-se de uma reação bastante hipócrita. Imaginemos que as Olímpiadas fossem nos EUA , será que teríamos reações contrárias à tocha olímpica na Europa e nos EUA por decorrência da truculenta política externa dos norte-americanos? Seguramente não! Como a tocha não passa em países do oriente médio , ela passearia tranquilamente pelo mundo!

    Olá Rodrigo,

    Obrigado pela visita e comentário.

    Entendo seu ponto de vista, mas sem dúvida se os Jogos fossem nos EUA, vários países poderiam ver diferentes manifestações por conta da invasão ao Iraque, mesmo na Europa, que conta com uma comunidade muçulmana. Sou totalmente contra a carnificina realizada pelo Bush, mas nos EUA há liberdades garantidas pela Constituição que na China nunca terá, pelo menos ao que parece.

    Entretanto na minha opinião essa reação contra a China está muito mais relacionada a força extrema da ditadura chinesa, contra os Tibetanos e também à liberdade de expressão no pais.

    Por isso que deixei claro minha posição de que o COI trabalha com um discurso vazio de Espírito Olímpico, ou melhor, E$pírito e pelo que vi tem colocado a entidade em situações bastante constrangedoras. Recentemente o presidente do COI até falou na preocupação com a poluição, fato que era minimizado até agora.

    Se realmente os líderes de muitos países faltarem à cerimônia de abertura, será uma derrota e tanto para o COI, que não via isso desde 1984 em LA.

    Um abraço.

    Amir

  3. Caro Amir, obrigado por levantar a questão dos Jogos Olímpicos novamente. Acabo de receber um clipping com uma informação que vale a pena dividir com vocês e que, talvez, ajude a responder a pergunta proposta, só o título…

    US Olympic broadcaster, NBC, has sold three-quarters of its 2008 Games advertising space at strong prices, despite recent protests surrounding the torch relay.

    Isso é Estados Unidos….onde normalmente reina grande insensibilidade quanto a problemas humanitários exceto quando haja claro interesse econômico deste país. Embora seja uma amostra americana, minha leitura é que os patrocinadores estão apostando que os Jogos Olímpicos, a olhos leigos, transcorrerão de forma suave e sem sobressaltos, é a aposta nas baionetas “pacificadoras”.

    Olá Robert,

    Obrigado por dividir conosco essa informação.

    Tenho certeza que os Jogos Olimpícos atingirão altos índices de audiência como em todas as outras edições, entretanto estou certo que todos os acontecimentos têm levantado questões sobre a China que antes ninguém ousava falar.

    Vale destacar que para o público norte-americano a China como tantos outros paísesl são desconhecidos do grande público daquele país, o que interessa para eles é ver a bandeira azul, vermelha e branca tremulando no alto do pódium. E isso faz com que o mercado dos EUA seja indispensável para a geração de receitas do COI.

    Um abraço.

    Amir


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: