Publicado por: Amir Somoggi | 27/fevereiro/2009

Receitas no futebol europeu – Parte II

Prosseguindo com a análise sobre os dados dos clubes europeus publicados pela Deloitte, percebe-se que alguns clubes apresentaram uma grande evolução em suas receitas de 2006-07 para 2007-08.

O grande destaque em geração de novos recursos foi o Bayern de Munique que ampliou suas receitas em € 72 milhões, mesmo não disputando a UEFA Champions League (CL). O principal clube alemão, no maior mercado do futebol europeu, cresceu muito nos últimos anos e com o resultado apresentado na última temporada, as receitas do clube se ampliaram em 81% nos últimos seis anos. A substancial melhora de suas receitas em 2007-08 foi resultado da aquisição de 50% da companhia proprietária da Allianz Arena, de uma ampla venda de itens de merchandising, recursos com patrocinadores e ampliação dos recursos de matchday.

Outros clubes que apresentaram grande evolução em suas receitas foram o Schalke 04 com € 34,1 milhões de novos recursos gerados, Olympique Marseille com evolução de € 27,8 milhões e do Fenerbahce com crescimento de € 24,3 milhões. Excluindo o Bayern, os demais conseguiram esse excelente resultado graças à participação na CL

Entretanto o grande destaque do futebol europeu nos últimos anos é o Barcelona, que desde a eleição de Joan Laporta vem apresentando uma evolução impressionante em seus recursos gerados. Nos últimos seis anos foi o clube europeu que mais recursos novos gerou, uma média de € 31 milhões novos a cada ano. Se realmente o clube ampliar suas receitas conforme apresentado em seu orçamento, essa média anual em sete anos apresentará evolução de mais de 18% sobre o valor atual.

camp-nou

Esses foram os três clubes com maiores receitas na Europa em 2007-08:

Real Madrid

O clube blanco de Madrid mais um ano conseguiu mostrar a sua força e manteve-se no topo do ranking do Mundo em faturamento, já que com sua receita operacional de € 365,8 milhões, nenhuma franquia norte-americana ou time europeu o supera. Na última temporada o estádio Santiago Bernabéu foi o maior responsável pela ampliação das receitas do clube com geração de novos € 18,8 milhões no período, resultado de um projeto de venda de executive boxes, além de uma excelente média de público. O clube também se destaca graças ao seu contrato televisivo individual com a empresa Mediapro e por seus recursos de marketing, que inclui além das receitas comerciais tradicionais, também as receitas com jogos amistosos, que em 2007-08 produziram € 17,3 milhões.

Manchester United

O clube inglês apresentou uma profunda melhora em seu negócio e cresceu em todas as fontes de receitas. Além disso, todos os clubes ingleses se beneficiaram da entrada em vigor do novo contrato televisivo da Premier League (PL). O bom desempenho do time resultou em melhores receitas da UEFA CL, bônus da TV da PL, bônus de patrocinadores e uma eficiente maximização de seus jogos em Old Trafford O maior crescimento em libras de suas receitas foram os recursos gerados com broadcasting, representados pelo contrato televisivo da PL e pelos repasses da UEFA, com crescimento de 49%. O estádio do clube apresentou crescimento quase 10% em libras, mas em euros sofreu redução de 7% e as receitas comerciais apresentaram evolução de 24% em libras. O Red Devils, apresentou receita total de € 324,8 milhões, mas como sugeriu a Deloitte no estudo, caso a libra não tivesse se desvalorizado tanto, poderia ter gerado quase € 380 milhões em 2007-08.

Barcelona

Como eu escrevi acima, o Barcelona foi o clube que mais receitas novas gerou no futebol europeu nos últimos anos. As receitas com matchday, mídia e commercial apresentaram evolução no último exercício. O Camp Nou gerou € 91,5 milhões e se considerar as receitas com sócios esse valor é superior a € 104 milhões e os recursos de mídia, atingiram € 116, 2 milhões, graças ao seu contrato individual e pelo bom desempenho do time na Champions League. As receitas comerciais atingiram € 101,1 milhões e para o Football Money League incluem as receitas com sócios. Para a atual temporada a perspectiva do clube é muito positiva, graças ao novo contrato com a Nike e Mediapro, que devem contribuir para que o clube produza mais de € 70 milhões em receitas novas.

About these ads

Responses

  1. Pra quem viu os estádios de Manchester e Real Madrid antes das grandes reformas se assustaria com a atual situação. O Santiago Bernabeu esta um espetáculo, e ainda há um projeto de cobertura total do teto do estádio. O Old Trafford iden, já o Camp Nou sempre foi arrumadinho, até pelo formato de suas arquibancadas.

    Olá Ricardo,

    Realmente o que fizeram Manchester e Real Madrid é uma aula de como explorar comercialmente seus jogos. A última reforma em Old Trafford foi contundente, já que ampliou os espaços corporativos e ingressos premium.

    O Real Madrid seguiu a mesma tendência, embora tenha um ticket médio por torcedor muito menor.

    Já o Barça, embora fature muito com o Camp Nou, trabalha com uma ocupação ainda baixa para os padrões dos grandes clubes europeus. Sua diretoria tem desenvolvido ações e obtido ótimos resultados, para diversificar as receitas em seus jogos. O clube catalão tem um potencial gigantesco para os próximos anos, visto que tem um projeto ambicioso de reforma do Camp Nou, que pode atingir uma capacidade de 110 mil lugares!

    Um abraço.

    Amir

  2. Amir, parabéns pelo texto, análises e por nos brindar com números completos e precisos.

    Salta aos olhos nestas análises o quanto os clubes aproveitam ao máximo suas receitas geradas nos estádios, por meio dos bons serviços prestados, e os cresecentes direitos de transmissão; isto se consegue, também, por meio da credibilidade que as ligas passam aos seus parceiros.

    abraços,

    Robert

    Olá Robert,

    Obrigado pelos elogios.

    Na prática os clubes europeus descobriram que a saída para maximizarem os seus negócios é: planejamento, criatividade e profissionalismo.

    Três palavras que infelizmente não fazem parte da vida da grande maioria dos clubes brasileiros.

    Um abraço.

    Amir

  3. Alguém sabe me informar qual a empresa responsável pela reforma do gramado do Santiago Bernabeu? Desde já agradeço a atenção!
    Abraço


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 28 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: